O que falta no turismo do Porto

25 de Agosto de 2017

O Porto é uma cidade visitada anualmente por milhões de turistas (6.8 milhões em 2016). A este número crescente de visitantes não será alheia a eleição da cidade como melhor destino europeu, em fevereiro, pela terceira vez.  As razões do Porto ser escolhido por turistas de todo o mundo são variadas: o calor humano característico dos portuenses; a beleza natural da cidade; a arquitetura antiga misturada com edifícios contemporâneos e de grande importância para o mundo das artes e a gastronomia, para citar apenas algumas.

Tal como em Lisboa, o crescimento do turismo levou a que diversas atividades nascessem ou se modificassem para melhor servirem o turismo. Nasceu assim mais oferta e de forma mais diversificada a nível do alojamento ou da restauração. Mas este crescimento rápido não foi acompanhado pela formação de recursos humanos adequados para cumprirem tarefas especializadas, especialmente nos hotéis e restaurantes mais luxuosos e frequentados por públicos bastante mais exigentes.

Assim, hoje em dia, uma empresa que atue na área dos recursos humanos encontra constrangimentos na procura de alguns perfis. Bons profissionais para barman, cozinheiro ou rececionista são perfis difíceis de encontrar neste momento. Não que o mercado portuense não esteja repleto de excelentes profissionais do ramo hoteleiro mas, nesta fase não existem em número suficiente.

Partindo do princípio e desejando que o grande número de turistas se mantenha nos próximos anos, aproveitando a oferta única da cidade, é necessário disponibilizar mais profissionais ao mercado.

A solução pode passar pela requalificação profissional. Recursos humanos da zona norte que pretendem continuar a viver na sua região e tenham escolhido uma área de negócio sem saída atualmente podem, com sucesso, procurar formação de modo a conseguir adquirir outras competências que lhes permitam atuar em setores onde há falta de mão-de-obra. Outra solução passa pela deslocalização de profissionais que tendo as competências necessárias, atuam em áreas geográficas onde o volume de trabalho não é suficiente para os manter. 

Service Trabalho Temporário Sourcing Outsourcing Msearch Recrutamento e Selecção Upgrade Outsourcing na área das TI Field Marketing